Animes Fan-Made
Sejam bem vindo(a) ao Animes Fan-Made!
Venha se divertir conosco!
Para poder visualizar todo o conteudo desse fórum é necessário estar registrado!


Um lugar para quem gosta de animes e fan-mades baseadas em animes e mangás.
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 02, 2011 8:40 pm



Fic baseada nos animes: Shugo Chara, K-on, Gakuen Alice...
Gênero: Romance, colegial, sobrenatural, banda...
Classificação: Livre.
Informações básicas:
Spoiler:
 

Essa é minha primeira fic, também posto ela no MO.

Para facilitar o entendimento da Fic postarei algumas fichas de personagens.

Tsubasa Haruhi
Spoiler:
 

Aoi Nakamura
Spoiler:
 

Tennouji Mirato
Spoiler:
 

Kukai Nakamura
Spoiler:
 

Satella Nakamura
Spoiler:
 

Yuka Haruhi
Spoiler:
 
As imagens são para facilitar a vida de quem não consegue imaginar os personagens (por favor não reparem nos defeitos, já que editei no Paint).

Caros leitores (você que está lendo [mais óbivio impossívelXD]),
Eu não tenho prazo para postar os capítulos, por ser preguiçosa ocupada. É difícil manter uma fic, mas eu escreverei até o fim desta fic.
Só com as fichas já dá para ter uma idéia da história, mas tentarei surpreende-los.
Elogios e crítica construtivas são mais que bem vindas!
Mas críticas destrutivas serão ignoradas!
Atenciosamente,
Mimy-chan.

Qualquer coisa pode me mandar uma MP.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qua Ago 03, 2011 7:02 pm

Como essa é a minha primeira fanfic, sei que posso ter cometido erros, mas mesmo assim espero que gostem!

---------------------
Prólogo


O casal Nakamura, dois cientistas muito conhecidos, moravam em Los Angeles com seus três filhos, Aoi, Kukai e Satella. Eles nasceram no Japão e viveram lá por um tempo. Quando Satella tinha 3 anos eles se mudaram para Los Angeles por conta de uma proposta irrecusável de emprego. Lá Aoi, Kukai e Satella cresceram e fizeram amigos. Mas um dia em um trágico acidente o laboratório onde os Nakamura trabalhavam explodiu. Por conta da explosão Aoi, Kukai e Satella ficaram órfãos e foram morar na casa de seus avos paternos, mesmo que seu avô após receber a notícia da morte de seu filho tenha entrado em coma e sua avó desconte nos netos todas as preocupações e o rancor que guarda da falecida nora por ter incentivado seu filho a aceitar esse emprego. Satella foi a que mais sofreu com a morte dos pais, já que era muito ligada a eles. Aoi e Kukai tentam parecer fortes para não fazer a irmã chorar, mesmo que ambos estejam sofrendo muito pela perda. Na casa dos avos, os irmão são educados de forma rígida. São eles que fazem todas as tarefas domesticas. Para se distanciar da avó eles prestam o exame de admissão da Academia Sakura.

Tennouji Mirato quando pequena era vizinha dos Nakamura, toda dia ia brincar com Aoi e Kukai, esse foi o começo de uma bela amizade entre Aoi e Tennouji e uma paixão secreta entre Kukai e Tennouji. Mesmo os Nakamura tendo se mudado para os EUA eles continuaram mantendo contado, primeiramente por cartas e depois por e-mail. Aoi e Tennouji são melhores amigas, elas contam tudo uma para outra e sempre podem contar com a ajuda uma da outra, mesmo com a distancia que existe entre elas. Mesmo Tennouji estudando na Academia Sakura desde pequena, onde conheceu muitas pessoas, não conseguiu achar nenhuma amizade mais forte da que tem com Aoi.

Tsubasa Haruhi morava em uma pequena cidade ao sul do Japão com seu irmão mais velho e seus pais. Até que um dia seus pais e irmão foram assassinados na sua frente por um assaltante. Após esse acontecimento ele vai morar com a sua irmã mais velha, Yuka Haruhi, que é sensei na Academia Sakura. Ele mesmo tendo direito a bolsa por sua irmã lecionar na academia pede para presta o exame de admissão da Academia Sakura e é aceito por seus próprios méritos.

Yuka Haruhi foi uma adolescente problemática, fazia parte de uma banda de Rock e vivia desafiando seus pais. Mas ao chegar no terceiro ano do colégio, conhece um garoto que muda suas idéias, sua banda se desfaz e ela decide se tornar professora assim com o garoto por quem se apaixonou. Eles vão para a mesma faculdade, mas ao se graduarem, o garoto se apaixona por uma outra pessoa. Yuka já formada decide seguir em frente e ajudar seus alunos a não cometer o mesmo erro que cometeu no passado. Para ajudar os alunos ela percebe que precisa se aproximar deles, com isso esconde seu passado, com medo de perder o respeito dos alunos. Por seu ótimo currículo é contratada para lecionar na Academia Sakura.

A Academia Sakura é uma escola conhecida mundialmente por ser a escola com maior quantidade de recursos tecnológicos. Ela também é uma escola interna, mas que caso os alunos desejem podem ir para casa. A entrada na Academia é difícil e há raríssimos casos de transferência, já que muitas pessoas de todos cantos do mundo viajam até o Japão para tentar entra na Academia e a prova de admissão só é feita para entrar em algumas séries específicas. Para conseguir entrar para Academia nas séries que não há exame de admissão existem duas formas:
- Tendo familiares que trabalhem na Academia;
- Prestando um exame fora de época que é apenas aplicado se o aluno tiver familiares que se formaram na Academia e criaram algo inovador que ajudasse a escola.

A Academia Sakura conta com o conselho dos guardiões, um grupo de estudantes que são responsáveis por manter a ordem na Academia, seriam com um grêmio estudantil. Porem para fazer parte do conselho você deve ser convidado pelo mesmo. Para os alunos sem guardiões da Academia, o conselho dos guardiões tem esse nome apenas por ser eles que protegem a “paz” do colégio. Mas na verdade tenha esse nome, pois todos os membros tem um ou mais guardiões, e a “paz” que eles protegem não tem haver somente com problemas entre os alunos, mas também com o mal que se reúne na cidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qui Ago 04, 2011 9:35 pm

Cap.1 A Prova

Era dia da prova de admissão na Academia Sakura, essa prova era obrigatória para os alunos que fossem entrar na Academia, exceto se algum parente trabalhasse lá. Aoi, Kukai e Satella iriam fazer a prova, mesmo não estando nas séries de prova, eles só conseguiriam prestar essa prova, pois seus finados pais, quando vivos, haviam criado sistemas muito bons para o colégio.

Na casa dos Nakamura, Aoi Satella e Kukai ainda dormiam quando sua avó foi ao quarto deles para acordá-los com broncas.

Avó: Acordem seus preguiçosos! Vocês tem prova hoje! Se não forem logo vocês perderão a única chance de entrar na Academia Sakura!

Aoi: Já estamos acordados!

Kukai: Pare com a gritaria!

Aoi e Kukai ainda sonolentos levantam da cama e começam a se arrumar. Aoi desce para preparar o café da manha enquanto Kukai tenta acordar Satella.

Kukai: Satella, acorda!

Satella: Só mais cinco minutos mãe!

Kukai: Satella, se não levantar agora você vai perder a prova de admissão e vai ficar morando com a vovó.

Satella levanta-se em um pulo e vai correndo se arrumar para a prova. Kukai então desce para ajudar Aoi a arrumar o café, mas ao chegar lá embaixo vê que o café já está pronto e se senta para comer. Satella desce logo em seguida e senta-se a mesa para comer. Após um bom café da manhã os irmão se dirigem a escola. Durante o percurso Kukai e Satella vão conversando. E em alguns raros momentos Aoi falava algo.

Kukai: Satella, você estudou bem para prova?

Satella: Não! Eu não preciso estudar, sou um gênio!

Kukai: Modesta você! rsrsrs E você Aoi? Estudou?

Aoi: Estudei.

Satella: Onee-chan! Se eu tirar uma nota maior que a sua você me paga um sorvete?

Aoi: Não.

Kukai: Eu te pago Satella, mas você terá que gabaritar.

Satella: Um gabarito é o que você quer, então será um gabarito que você terá!

Nisso os irmãos chegam à escola. E se dirigem a suas salas de provas especiais onde encontram outras pessoas que estão fazendo as provas especiais. Após terminarem a prova os irmão se encontram na saída da escola, para irem para casa juntos.

Satella: Onii-chan, prepare seu dinheiro que eu vou cobrar o meu sorvete!

Kukai: Você não acha que está muito confiante?

Satella: Eu? Não!

Aoi ignora a conversa dos irmãos e vai indo para casa. O caminho é tranquilo, está um belo dia, o céu está com poucas nuvens, os pássaros estão cantando, as borboletas dançando, tudo quieto. Até que a tranquilidade é quebrada por um grito vindo do outro lado da rua.

Tennouji: AAAOOOIIII-CCCHHHAAAANNN!!!

Tennouji sai correndo do outro lado da rua e se joga na amiga, desequilibrando-a, e se não fosse Kukai segurá-las cairiam no chão.

Tennouji: Aoi, então é verdade! Você voltou para cidade! Que saudades! É verdade que você vai entrar na Academia Sakura? Espero que você seja da minha sala!

Aoi: Menos Tennouji! Você está assustando a Satella!

Tennouji: Desculpa! Mas é que eu estou tão feliz por você ter voltado pro Japão.

Kukai: É bom te ver Tennouji. Eu vou bem e você?

Tennouji: Desculpa Kukai. Oi! Tudo bem? Eu vou bem, obrigada.

Aoi, Tennouji e Kukai começam a rir. Satella se assusta com Tennouji, já que não a reconhece, por isso se esconde atrás de Kukai.

Kukai: Satella, diga oi para Tennouji!

Satella: Oi.

Tennouji: Kawaii! Satella você cresceu tanto e ficou tão fofa! Dá vontade de morder.

Kukai: Satella, não precisa se esconder dela. Ela é uma amiga de infância da Aoi. Quando nós ainda morávamos no Japão você era bem pequena, e eu e a Aoi vivíamos na casa dos Mirato brincando com a Tennouji.

Satella para de se esconder e se apresenta adequadamente. Eles então voltam a caminhar e conversar. Ao chegar na frente da casa dos Nakamura os irmãos se despedem de Tennouji.

Tennouji: Aoi, você viu o mural que tinha na entrada?

Aoi: Vi sim.

Tennouji: Aquele mural é onde eles postam quem passou na prova de admissão e as salas dos alunos. Então te vejo depois da amanhã na frente da escola. Até!

Aoi: Até!

Kukai e Satella: Tchau Tennouji-san!

Tennouji vai para casa e os irmãos entram em casa. A avó estava sentada a mesa esperando a chegada dos netos.

Avó: Vocês estão atrasados! Já era para vocês terem chegados a 5 min.

Kukai: Só estávamos dando oi para uma velha amiga.

Avó: Se vocês tem tempo para falar com velhos amigos, gastem de uma forma mais proveitosa. Agora comam algo e vão cuidar do jardim. As roseiras estão morrendo.

Kukai, Aoi e Satella: Sim senhora!

Após o almoço vão ao jardim cuidar das plantas.

Satella: Eu não gosto dela!

Aoi: Shh! Se ela te ouvir estaremos encrencados!

Kukai: Satella, só temos que aguentar até entrarmos na academia. Depois nos só voltaremos para casa quando quisermos.

Satella: Promete Kukai que não vamos ter que continuar a viver com ela?

Kukai: Prometo!

Aoi: Shh! Ela está vindo!

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Sex Ago 12, 2011 3:55 pm

Cap. 2 O Re-encontro


Era perto das 4 horas da manhã e Aoi já estava acordada, por conta da ansiedade para saber o resultado da prova, não conseguia dormir. Então decidiu levantar-se. Vestiu uma calça jeans, uma blusa e um casaco. Saiu do seu quarto e desceu as escadas. Foi a cozinha, fez o café da manhã, colocou na geladeira e deixou um bilhete que dizia “O café da manhã encontra-se na geladeira é só aquecer e estará pronto.". Aoi saiu de casa sem rumo, a noite estava calma, não se via carros, nem pessoas. Aoi desceu a rua em direção a sua antiga casa. Ao chegar parou na frente da casa e ficou olhando para a porta, começou a se lembrar dos dias felizes em que brincava com seus pais, os dias em que brincava com Tennouji e Kukai sem se preocupar com nada, sem se preocupar com o amanhã. Essas memórias a fizera chorar.

Enquanto isso Tsubasa e Ruka saíram da academia para um passeio noturno, como era de costume. Ao andar pelas ruas quietas ouviram o choro de uma menina. Tsubasa pediu que Ruka voltasse para o ovo e o colocou no bolso. Após guardar Ruka, vai até a menina para saber o porque do choro, mas ao se aproximar ela parou de chorar, limpou o rosto e de cara fechada virou para ele e começou uma conversa estranha.

Aoi: O que está olhando? Nunca viu uma garota chorar?

Tsubasa: Já vi sim, mas não no meio da noite, em uma rua deserta, olhando para porta de uma casa! Por acaso você está fugindo de casa? Fugindo de seus pais?

Aoi volta a chorar e soluçar.

Aoi: Antes *ick* eu tivesse pais *ick* de quem fugir.

Tsubasa: Você também é órfã?

Aoi: *ick* Você também é?

Tsubasa: Hai. Meus pais e meu aniki foram assassinados na minha frente quando eu era pequeno.

Aoi: Gomen! Deve ter sido triste para você.

Tsubasa: Relax! Eu já me recuperei. Quer me contar sua história?

Aoi: *ick* Pode ser.

Os dois vão caminhando até um parquinho ali perto. Aoi senta em um balanço e Tsubasa senta no outro.

Aoi: Meus pais morreram em uma explosão.

Tsubasa: Como assim?

Aoi: O laboratório onde eles trabalhavam explodiu. E todos os cientistas que estavam lá morreram. Por isso
eu e meus irmão voltamos para o Japão.

Tsubasa: Sinto muito pela morte deles.

Aoi: Eu também, mas não posso mostrar para minha irmã minhas fraquezas, ela está sofrendo muito pela
morte dos nossos pais. E não quero ser alvo de compaixão. Estou cansada dos outros me olharem com aquele olhar que diz “Coitadinha, ela está sofrendo tanto pela morte dos pais.”

Tsubasa: Eu te entendo também sofri com isso.

O sol começa a nascer, Aoi dá batidinhas leves no rosto e mostra um sorriso. Tsubasa retribui e Aoi muda de assunto.

Aoi: Você estuda aonde?

Tsubasa: Na Academia Sakura. E você?

Aoi: Na Academia Sakura? Sério? Eu fiz a prova de admissão.

Tsubasa: Espero que tenha sido aceita, mas em que série você está?

Aoi: Oitava!

Tsubasa: Mas como você fez a prova? Está fora de época.

Aoi: Meus pais ajudaram muito a academia.

Tsubasa: Entendo!

Aoi: E você? Está em que série?

Tsubasa: Estou na oitava também.

Aoi: Seria legal se estivéssemos na mesma sala.

Tsubasa: Concordo.

Tsubasa olha o relógio e vê que já são quase 6:30, levanta-se e sai correndo para a Academia antes que
sua irmã perceba que saiu.

Tsubasa: Tenho que ir antes que percebam que sai. Te vejo amanhã no painel de resultados.

Aoi: Até!

Aoi fica sentada no balanço pensando sobre esse garoto estranho que acabara de conhecer e em suas conversar. Aoi tem certeza que já viu esse garoto antes, mas não se lembra onde nem quando. Tsubasa chega na Academia antes de sua irmã acordar. Deita na sua cama e fica pensando na garota estranha que acabara de conhecer. Tsubasa tem a impressão de já ter visto Aoi antes, mas não tem certeza. Aoi volta para casa e encontra seu irmão já acordado.

Kukai: Onde a senhorita estava?

Aoi: Me deixa em paz. Vou ir para o meu quarto, só me chame se for muito importante.

Aoi sobe e vai para o seu quarto, chegando lá tranca a porta e deita na cama.

Aoi e Tsubasa estavam um pensando no outro quando se lembraram de um dia antes de Aoi se mudar para
os EUA, o dia em que se viram pela primeira vez...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Sex Ago 12, 2011 3:56 pm

Cap. 3 Lembranças

No capítulo anterior Aoi e Tsubasa se reencontraram, mas não lembram um do outro, após esse reencontro Aoi e Tsubasa deitam em suas camas e pensam um no outro quando se lembraram de um dia antes de Aoi se mudar para os EUA, o dia em que se viram pela primeira vez...

Flash Back: on

Era um dia tranquilo, Kukai e seu pai estavam jogando baseball no parque, enquanto a sua mãe os assistia da sombra de uma árvore. Aoi estava brincando em um campo de flores, seguindo as borboletas. Ao ver uma borboleta linda preta e azul saiu correndo atrás, a borboleta voou para longe e entrou em uma casa, nesse momento Aoi percebe que está longe do parque, que está perdida. Sai andando sem rumo pelas ruas atrás de achar o caminho de volta para o parque. Aoi andou e andou, mas nada de achar o parque, e começou a ficar cansada, com fome e sede. Viu uma árvore e foi se escorar em sua sombra para descansa, e acabou caindo de sono.

Tsubasa estava indo visitar sua irmã na Academia, Miroku, seu aniki, estava o levando, já que seus pais tiveram que ficar trabalhando. No caminho eles notam algo estranho atrás de uma árvore. Ao se aproximar notaram que era uma linda garotinha. Tsubasa se aproxima e acordou a pequena garota.

Tsubasa: Ei! Acorda!

Aoi: AAAAAAHHH!!!!!! Quem é você?

Tsubasa: Eu que pergunto. Porque está dormindo aqui?

Aoi: BUAAAAA!!!!

Miroku: Ei, não chore. O que houve?

Aoi: Eu quero os meus pais!!! BUAAAA!!!!

Tsubasa: Onde eles estão?

Aoi: Eu não sei. BUAAAA!!!!

Miroku: Pare de chorar, nós vamos ajudar você a achar os seus pais.

Aoi: *ick* Serio? Vocês vão me ajudar?

Tsubasa: Nós estamos indo para a Academia Sakura ver a nossa nee-san, ela vai poder ajudar você.

Aoi: Eu conheço a Academia. Eu moro lá perto.

Miroku: Perfeito, nós te levaremos até lá. De lá você já consegue voltar para casa né?

Aoi: Hai hai! Eu consigo sim. Muito obrigado.

Aoi, Tsubasa e Miroku vão a caminho da Academia. No caminho param em uma loja de conveniências para comprar algo para comer. Com mais um pouco de caminhada já estão na Academia. Yuka esperava de pé no portão de entrada da Academia por seus irmãos. Ao ver eles chegando com uma menininha se aproxima.

Yuka: Mi-kun! Tsu-kun!

Yuka se joga em cima dos irmãos e os abraça com toda a força.

Tsubasa: Nee-san, eu não consigo respirar.

Yuka: Gomen! Como foi a viajem até aqui? Quem é essa linda menininha?

Miroku: A viajem foi tranquila e cansativa, e quanto a essa garotinha, ela se chama Aoi, estava perdida e mora aqui perto. Então nós decidimos trazê-la.

Yuka: Aoi? Quem são seus pais? Seu rosto não me é estranho.

Aoi: Meus pais são os Nakamura.

Yuka: Eu sabia! Você é a filha do senpai.

Miroku: Você conhece os pais dela?

Yuka: Eles são muito famosos. Eles estão sempre fazendo palestras aqui na academia. Eles até passaram aqui a uns dez minutos. Estavam preocupados com a filha que tinha sumido. Aoi, você deixou seus pais muito preocupados. Vou ligar para ele avisando que você está aqui.

Yuka entra na Academia e pede para que a sigam. Vai até a recepção e ligar para os Nakamura. Enquanto isso Aoi e Tsubasa vão brincar e para ter certeza que Aoi não desaparecerá de novo Miroku fica de olho nas crianças. Dez minutos após Yuka ligar os Nakamura aparecem para buscar Aoi, mas ao chegar Kukai pede para ficar brincando com eles. Então os Nakamura ficam conversando com Yuka enquanto Miroku, Tsubasa, Kukai e Aoi ficam brincando. Eles decidem brincar de esconde-esconde.

Miroku ficou responsável por procurar os outros. Kukai se esconde atrás da cortina, Aoi se esconde embaixo de uma mesa e Tsubasa se esconde atrás de uma porta. Miroku vai procurar as crianças, primeiro encontra Kukai, e os dois vão atrás de Aoi e Tsubasa. Kukai encontra Aoi, ela sai correndo, vira para trás para ver onde está Kukai e acaba esbarrando em Tsubasa que estava saindo de seu esconderijo. Aoi se segura em Tsubasa para não cair, mas ele acaba caindo em cima de Aoi. Os dois caem com os rostos colados, seus lábios se encontram, o rosto dos dois ficam vermelho, eles rapidamente se levantam e saem cada um para um lado. Aoi vai até seus pais e pede para ir para casa, diz que esta com sono e fome. E assim acaba um dia que começou tranquilo.

Flash Back: off

Aoi e Tsubasa ficam com o rosto vermelho e põem a mão em seus lábios lembrando da sensação de seu primeiro beijo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Sex Ago 12, 2011 3:57 pm

Cap. 4 O Resultado

Finalmente chegou o dia do resultado da prova de admissão da Academia Sakura. Aoi acorda cedo, cerca de 5:00 da manhã e tem uma surpresa. Em sua cama tem dois ovos. Aoi fica chocada, pensa que fora Kukai que colocara os ovos em sua cama para pregar uma peça. Mas vê que os ovos são diferentes, estavam quente, eram coloridos e com desenhos. Um tem o desenho de gato olhando para a lua e o outro tem o desenho de uma bonequinha. Aoi também nota que tem algo dentro, então decidi cuidar dos ovos para ver o que nasce deles. Se arruma, pensa em deixar os ovos no seu quarto, mas provavelmente sua avó os veria, portanto pega uma caixinha, a enfeita e coloca um manto para deixá-la quentinha para os ovos. Põe a caixa dentro da sua mochila e desce para preparar o café da manhã, com isso já eram 6:00 da manhã, rapidamente termina de arrumar o café da manhã, sobe para acordar seus irmãos. Ao entrar no quarto de Satella encontra a irmã sentada na cama encarando um ovo, assim como os ovos de Aoi, porém o ovo de Satella tinha o desenho de dois tubos de ensaio.

Aoi: Satella, o que é isso?

Satella: Eu não sei, estava na minha cama hoje de manhã. Não tem como eu ter posto esse ovo, isso é cientificamente impossível. Mas ninguém pode ter entrado aqui de noite, porque meu sistema de intruso não disparou. Aoi, estou com medo.

Aoi: Calma Satella, isso também aconteceu comigo, hoje quando eu acordei tinha dois ovos na minha cama.

Aoi abre sua mochila e mostra a caixinha com os ovos para Satella.

Satella: Mas o que são eles?

Aoi: Eu não sei. Mas decidi cuidar deles para ver o que nasce.

Satella: Você pode cuidar do meu também?

Aoi: Posso, mas não vai se acostumando.

Aoi guarda o ovo de Satella na caixa junto com os seus ovos. Põe a mochila nas costas e vai até a
porta.

Aoi: Satella, se arruma rápido, já são 6:10.

Satella: Pode deixar.

Aoi vai até o quarto de Kukai. Ao entrar encontra Kukai já arrumado só terminando de arrumar(bagunçar) seu cabelo.

Aoi: Já vi que acordou. O café já está pronto e já são 6:10. Vamos?

Kukai: Pode ir descendo só vou botar o tênis.

Aoi desce, logo depois chega Kukai e os dois começam a tomar o café da manhã. Pouco depois
Satella desce e se junta aos irmão no desjejum. Às 06:45 os irmão saem de casa e vão para a Academia. No caminho encontram Tennouji que os acompanha e fala um pouco sobre os professores e o sistema de ensino.

Eles chegam na escola e encontram uma fila imensa de pessoas querendo ver se passaram no exame e em que sala eles ficaram. Aoi chega ao mural e vê que foi aceita com 97 acertos de 100. Kukai foi aprovado com 95 acertos de 100. E para surpresa e choque de todos Satella não fora aprovada, sua classificação estava com 10 acertos de 100.

Satella: Co..... co...... com....o???? Isso não pode estar acontecendo. Eu tenho certeza que gabaritei.

Aoi: Não tem como isso estar certo. A Satella com certeza acertou mais que isso.

Kukai: Tem que estar errado.

Todos estavam congelados, não sabiam o que falar, pensar ou fazer. Tennouji foi a primeira a se
recuperar do choque.

Tennouji: Aoi, nós podemos falar com a professora Yuka, deve haver um erro, ela vai poder nos
explicar melhor o que está acontecendo.

Com isso Tennouji, Kukai, Satella e Aoi vão atrás da professora Yuka para pedir explicações. Eles vão até a recepção onde encontram Yuka conversando com Tsubasa. Aoi trava ao rever Tsubasa e seu rosto fica vermelho. Mas ninguém nota, porque estavam mais interessados em descobrir o problema com a nota da Satella. Ao notar a presença de Aoi, Tsubasa avisa sua irmã que vai ver em que sala está e sai da recepção.

Tennouji: Até Tsubasa.

Tsubasa: Até.

Yuka: Em que posso ajudar Tennouji?

Tennouji: Sensei, esses são meus amigos, os filhos dos Nakamura.

Yuka: A quanto tempo Aoi, Kukai. Que linda você Satella.

Aoi e Kukai: Oi Yuka-sensei!

Yuka: Mas qual é o problema?

Tennouji: Bem, você deve saber que eles fizeram o teste de admissão, mas por algum motivo a
Satella não passou. Mas é impossível que ela tenha só acertado 10 de 100 como está no mural. Por favor sensei reveja a nota dela.

Yuka: Se você diz que é impossível eu posso dar uma olhada. Venham comigo.

Todos seguem a Yuka até a sala do diretor. Lá Yuka pede para que eles se sentem e vai chamar o
diretor. Tennouji conta do provável erro e o diretor pega a prova de Satella no sistema.

Satella: Senhor diretor, essa prova não é minha. A inscrição está errada.

Diretor: Como assim? Qual é a sua inscrição?

Satella: Minha inscrição é 325-684-955-685 e não 325-684-950-625

Diretor: Deixe me por a sua inscrição no sistema. Pode repeti-la?

Satella: Ela é 325-684-955-685

Diretor: Percebo que houve um engano. Uma outra aluna com o mesmo nome que o seu fez a prova, e
na hora de passar para o sistema as inscrições foram trocadas. Você passou com 100 de 100. Parabéns!

Satella: Onii-chan, eu gabaritei agora quero o meu sorvete.

Kukai: Hai hai! Na volta para casa eu te pago um.

Aoi: Obrigado por nos atender senhor Diretor.

Tennouji: Até depois de amanhã Diretor.

Diretor: Se cuidem! Até depois Tennouji!

Todos saem da sala do diretor e vão ver em que sala estão, já que com o problema na nota da Satella eles não viram antes. A fila já tinha dispersado, então rapidamente viram suas turmas.

Kukai: Eu fiquei no 1º-B!

Satella: Como eu estou um ano adiantada eu fiquei na 6ª-A!

Aoi: Eu fiquei na 8ª-A!

Tennouji: Eu também! E o Tsubasa-kun também!

Kukai: Quem é esse Tsubasa?

Aoi: O que foi onii-chan? Está com ciúmes? Rsrsrsrs

Tennouji: Ele é o irmão mais novo da Yuka-sensei.

Kukai: Agora me lembrei! Aoi, lembra de quando nós brincamos com ele e o irmão dele aqui na
Academia?

Aoi: Sim, pena que o Miroku foi assassinado.

Kukai: Como assim?

Aoi: Os pais do Tsubasa e o Miroku foram assassinados na frente do Tsubasa. Kukai: Como você sabe?

Aoi: Ele me contou ontem. Mas vamos muda de assunto. Vamos para casa.

No caminho para casa assim como prometido Kukai pagou um sorvete para Satella. Aoi aproveita para conversar com Tennouji.

Aoi: Que intimidade é essa sua com o Diretor e o Tsubasa?

Tennouji: É que eu faço parte do conselho dos guardiões, é tipo um grêmio estudantil. Ai, o Diretor e
a professora Yuka são os nossos responsáveis. E o Tsubasa também faz parte. Por que perguntou?

Aoi: Por nada, só curiosidade. Não é todo mundo que tem intimidade com o Diretor da sua escola.

Kukai: Sobre o que estão fofocando?

Aoi: Nada que te interesse, Bom, vamos?

Aoi, Satella e Kukai foram para casa da sua avó e Tennouji foi para sua casa. Foram arrumar as suas
coisas, pois as aulas começariam dentro de dois dias. E Kukai, Satella e Aoi se mudaria para a escola no
outro dia.

Ovos da Aoi:

Ovo da Satella:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Sex Ago 12, 2011 3:59 pm

Cap.5 A Mudança

Eram 6:00 da manhã quando Kukai acorda e nota um estranho ovo em sua cama, primeiramente pensa que se trata de um ovo de galinha, mas logo nota um desenho. Pega o ovo e o analisa mais de perto, percebe o desenho de fones de ouvido e que o ovo está quente e pesado, portanto chega a conclusão de que há algo dentro. Decide que seria interessante cuidar dele para ver o que nascerá. Sai de seu quarto e acorda suas irmãs, eles tinham que terminar de arrumar as coisas para a mudança.

Por volta das 9:30 todas as suas coisas já estavam devidamente encaixotadas. Como não moravam longe da escola não puderam contar com o caminhão de mudanças. Cada um dos irmão ficou responsável por levar seus pertences. Tennouji até apareceu para ajudar os seus amigos, foi quando Aoi, Kukai e Satella notaram uma coisa em cima do ombro de Tennouji, parecia uma fadinha, Satella, curiosa, foi até Tennouji e começou a interrogá-la.

Satella: Tennouji – senpai, posso te fazer algumas perguntas?

Tennouji: Claro, se eu souber responder...

Satella: O que é isso no seu ombro?

Tennouji olha para seu ombro e volta a olhar para Satella, depois olha para Kukai e Aoi que estavam com seus olhos fixos no ombro de Tennouji.

Tennouji: Vocês conseguem vê-la?

Aoi, Kukai e Satella: Sim.

Tennouji: E vocês não sabem o que é?

Aoi, Kukai e Satella: Não.

Tennouji: Então o de vocês ainda não devem ter nascido. Vocês já viram ovos “diferentes” nas suas camas?

Aoi: Suponho que sim, mas o que tem a ver?

Satella: Fale logo o que é isso Tennouji?

Tennouji pega a “fadinha” em seu ombro e a apresenta.

Tennouji: Essa é a Honey!

Honey: É um prazer conhecê-los!

Satella: Ela .... fa.....fala!

Aoi: O que é você?

Honey: Eu sou uma guardiã.

Kukai: Guardiã de que?

Honey: Sou a guardiã do verdadeiro eu da Tennouji.

Aoi: Como assim?

Honey: Todos tem dentro do seus corações, ovos, e algumas pessoas conseguem por para fora esses ovos. Desses ovos nascerão guardiões, que serão responsáveis por guardar os seus sonhos, são seu verdadeiro eu.

Satella: Isso é cientificamente impossível!

Honey: Não diga isso. Se você não acreditar em seus guardiões seu ovo receberá um X e você perderá o seus sonhos.

Aoi: Tennouji, isso é uma brincadeira? Estou dormindo?

Tennouji: Não é brincadeira. E se vocês conseguem vê-la e ouvi-la quer dizer que seus ovos já apareceram. Eu gostaria de poder vê-los.

Aoi olha para Satella que balança a cabeça em sinal de positivo. Então pega sua mochila e de lá tira uma caixa bem enfeitada com três ovos. Kukai ao ver o que sua irmã estava fazendo abre uma das caixas perto da porta e tira de lá um ovo.

Kukai: E eu achando que estava louco quando achei esse ovo na minha cama hoje de manhã.

Satella: Tennouji, explique-se, pois não estou entendendo nada. Isso tudo é cientificamente improvável até diria impossível.

Tennouji: Que ovos lindos. Mas se aqui tem quatro um de vocês teve dois. Quem é?

Aoi: O da gatinha e da bonequinha são meus. O dos tubos de ensaio é da Satella. Mas responda o que ela te perguntou.

Tennouji: Bom... é impossível explicar a partir da ciência. Você simplesmente tem que acreditar nos seus olhos. De agora em diante você verá muitas coisas que a ciência não sabe explicar. Tudo que sabemos sobre essas coisas são o que nossos guardiões nos contam e que lemos em pergaminhos e livros antigos.

Aoi e Satella: Isso é maluquice.

Kukai: Eu acredito. Pode parecer maluquice, pode até ser, mas eu acredito.

Aoi: Bom de qualquer forma é melhor voltarmos para o trabalho, já são 10:00 e ainda temos muitas caixas.

Tennouji: Deixem que eu levo aquelas 3 caixas ali.

Kukai: Não senhorita, aquelas são as mais pesadas, pode deixar que eu levo.

Tennouji: Eu não sou tão fraquinha. Ainda mais com a Honey do meu lado. Honey, chara change.

De repente aparece um avental em Tennouji e ela rapidamente pega as caixas e as leva para a Academia Sakura. Aoi e Satella ficam se olhando como se perguntassem uma pra outra o que era aquilo. Kukai pegou uma caixa e ainda de queixo caído por conta da força de Tennouji sai levando a caixa rumo a Academia. Na porta um pouco recuperado grita para as irmãs.

Kukai: Meninas, estão esperando o que? Que as caixas criem pernas e andem até a Academia?

Aoi: Depois do que a Tennouji fez acho que isso é bem provável.

Mesmo ainda sem entender, Aoi guarda os ovos novamente na caixa e põe na mochila. Pega uma caixa e chama Satella pra ajudar, as duas saem de casa em direção a Academia. Por volta de meio-dia quase todas as caixas já estavam na Academia. Eles decidem fazer uma pausa para se alimentarem. Sua avó, por algum motivo desconhecido, estava de bom humor e havia cozinhado o almoço, e até convidará Tennouji para almoçar. Após terminarem a refeição descansaram um pouco e voltaram ao trabalho. Dadas as 4:00 da tarde todas suas coisas já estavam nos seus novos quartos. Aoi e Satella dividiriam o quarto, já que na Academia todos os dormitórios são para duas pessoas. Porem Kukai ainda não sabia que era seu companheiro de quarto. Os irmãos decidem dar uma volta pela Academia para conhecê-la melhor.

A Academia era linda e gigante, as salas de aula eram de última geração, o mesmo se dizia do sistema de segurança. No primeiro dia de aula os alunos novos teriam que assistir uma palestra no auditório, que era simplesmente magnífico. Tudo na Academia era de ultima geração, uma verdadeira escola do futuro.

Após seu passeio os irmão decidiram voltar pra seus quartos para tomar um banho e terminar de arrumar as suas coisas. Porem ao retornar ao quarto Kukai tem um surpresa.

Kukai: O que faz aqui?

Pessoa: Oi para você também! E eu moro aqui!

Kukai: Oi! Mas você não morava na ala dos professores?

Pessoa: Não.

Kukai: Então você é meu companheiro de quarto?

Pessoa: Sim!

Kukai: Mas você já não tinha um outro companheiro de quarto? O que aconteceu com o com ele?

Pessoa: Foi transferido para uma escola no Alaska.

Kukai: Entendi.

Kukai nota um ser perto da cama onde se encontra seu companheiro de quarto. E curioso faz algumas perguntas.

Kukai: Por acaso você tem um guardião?

Pessoa: Sim. Você consegue vê-lo?

Durante essa conversa o ser (o guardião) se aproxima de Kukai.

Kukai: Consigo, eu tenho um ovo.

Pessoa: Entendo. Bem, esse é o Naru, meu guardião.

Kukai: Legal. Oi Naru!

Naru: Yo-nya!

Tsubasa: Agora que acabou as apresentações... quer minha ajuda para arrumar as coisas?

Kukai: Eu aceito. Obrigado Tsubasa.

E assim termina mais um dia dentre tantos.

Ovo do Kukai:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Sex Ago 12, 2011 4:02 pm

Cap.6 Uma notícia inesperada Parte I

O sol nascia, marcando o início de um dia que tinha tudo para ser perfeito, a lua ainda podia ser vista. Aoi acorda vai até a janela, o mundo parecia ter parado para que ela o admirasse. Alguns pássaros cantavam perto de sua janela, parecia que seria um dia calmo, isso antes dela se lembrar de que era seu primeiro dia de aula na Academia Sakura.

Aoi vai até o banheiro para tomar um banho. Liga o chuveiro e entra em baixo. A sensação da água em seu corpo parece levar todos os seus problemas e o seu cansaço. Ao sair do banho encontra Satella já acordada esperando para também tomar banho. Enquanto Satella toma banho, Aoi arrumava seus uniformes. Elas podiam optar por vestido ou uma blusa, saia e casaco com o logotipo do colégio. Aoi optou por uma blusa branca, gravata de laço, saia xadrez e o casaco preto. Já Satella optou pela blusa branca, gravata “normal”, saia marrom e ao invés do casaco do colégio ela escolheu um jaleco preto e roxo com o logotipo do colégio que fora gravado pela Aoi.

Satella saiu do banheiro e rapidamente pôs o uniforme. Arrumou seu cabelo e colocou o enfeite no cabelo, era uma pedra com um laço que fora dado pela sua mãe. Uma lágrima escorreu pelo seu rosto ao se lembrar do rosto de sua mãe ao dar o enfeite. Aoi vê as lágrimas da irmã.

Aoi: Satella, tem algum problema?

Satella limpa as lágrimas e força um sorriso.

Satella: Não é nada onee-chan, só estava me lembrando da mamãe.

As duas se abraçam, Aoi pega a caixa com os ovos põem em sua mochila e as irmãs se dirigem ao refeitório tomar o café da manhã. O refeitório é misto, então lá elas encontram com Kukai que estava “conversando” com Tsubasa. Aoi ao notar que era Tsubasa fica relutante, mas mesmo assim vai até o irmão.

Kukai: Yo! Satella, dormiu bem? E você Aoi?

Satella: Onii-chan!!!!!!!!!! Eu dormi bem e você?

Aoi: Oi nii-san. Eu dormi bem. Oi Tsubasa.

Tsubasa: Oi e tchau, eu vou ir comer algo.

Kukai: Então até mais tarde! Eu dormi bem Satella. Vamos tomar o café da manhã?

Satella: Eu estou morrendo de fome! Vamos logo.

Aoi: Ok!

Os irmãos se servem e fazem o desjejum. Após isso vão ao auditório para a palestra de boas vindas aos alunos novos. Na entrada do auditório encontram Tennouji os esperando. Tennouji pula em cima de Aoi.

Tennouji: Yo!

Aoi: Yo Tennouji!

Kukai e Satella: Yo!

Tennouji: Vamos entrar? Eu reservei um lugar na frente para vocês.

Os amigos entram no auditório e se dirigem as poltronas da segunda fileira.

Satella: Quanta gente!

Tennouji: Isso que ainda nem encheu!

Os irmãos se sentam e Tennouji os informa que como é uma das guardiãs terá que deixá-los para fazer seu discurso. Os irmãos a desejam boa sorte e esperam pacientemente a palestra começar. A palestra finalmente começa.

Diretor: Olá alunos da Academia Sakura! Sejam bem vindo novatos e também veteranos! Eu sou o Diretor de vocês, portanto podem me chamar de diretor ou pelo meu nome. Como todos devem saber, a Academia Sakura é uma das melhores escolas do mundo, e é uma honra ter mentes brilhantes estudando aqui. Vamos começar com as apresentações. Como diretor: eu. Como vice-diretora: minha esposa.

Vice-diretora: Sejam bem vindos!

Diretor: Como monitora do dormitório feminino e professora responsável pelo conselho dos guardiões: Yuka-sensei.

Yuka: Tenham uma bom volta as aulas!

Alunos: YYYUUUKKKAAA-SSSEEENNNSSSEEEIII!!!!!!

Diretor: Por favor silêncio! Como monitor do dormitório masculino e professor responsável pelo clube de

Judô: Marcatu-sensei.

Marcatu: Cuidado para não descumprirem as normas da Academia.

Diretor: Como responsável pelo refeitório e professora pelo clube de economia doméstica: Julia-sensei.

Julia: Estudem bastante!

Diretor: Como professora responsável pelo clube de canto e coro...

E assim foram as apresentações dos professores.

Diretor: Agora os membros do conselho dos guardiões. Como a maioria dos membros do conselho se formaram ano passado, atualmente temos somente dois membros. Como guardião da noite: Tsubasa. E como guardiã da amizade: Tennouji.

Tsubasa: Oi e tchau!

Tennouji: Yo minna! Eu sou a guardiã da amizade Tennouji, e venho com grande felicidade informá-los a entrada de três membros novos para o conselho. Bom, antes de anunciá-los vou esclarecer o que nós fazemos. Nós mantemos a paz na Academia. Se tiverem algum problema ou dúvida pode pedir nossa ajuda, nós faremos tudo que estiver ao nosso alcance para ajudá-los. Bom... o momento mais esperado. A hora em que diremos que são os três novos membros, os irmão Nakamura!

Os holofotes que estavam mirados para as pessoas no paco foram redirecionados para os irmãos Nakamura. Os três irmãos estavam surpresos, petrificados. Não sabiam o que fazer. Até que...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 16, 2011 8:00 pm

Cap. 6 Uma notícia inesperada parte II


O diretor notando o estado de choque dos irmãos pega o microfone e tenta ajudá-los.

Diretor: Bom... uhm... pelo que notamos isso foi uma surpresa. Após a palestra haverá uma reunião na sala de reuniões no prédio do conselho. Peço que os irmãos Nakamura assim como os guardiões e a Yuka-sensei me encontrem lá para explicarmos aos irmãos Nakamura como funciona o conselho. Agradeço aos guardiões. Bom... por último desejo tudo de bom para vocês alunos e funcionários da Academia Sakura nesse novo ano letivo. Hoje não haverão aulas, então todos estão dispensados.

Com isso acaba a palestra de boas vindas. Os alunos saem do auditório, os irmãos Nakamura tentando evitar chamar mais atenção saem juntos com a multidão. Os irmãos se dirigem diretamente para o prédio do conselho, um prédio branco de três andares, com muitos vidros e espelhos. Ao entrar no prédio vão olhando as várias salas. Passam pela recepção, sala de espera, onde tinha uma televisão 3D, sala de pesquisa, onde encontram-se vários computadores, sala de aconselhamento, onde havia uma mesa e cadeiras que pareciam muito confortáveis, passam por outras várias salas, todas com as portas fechadas, até que encontram a sala de reuniões, no segundo andar, a sala era imensa, havia uma mesa oval e várias cadeiras, nas pontas ficavam as maiores cadeira que eram do diretor e da professora Yuka. Tsubasa e Tennouji estavam sentados a direita, com seus guardiões, o diretor estava sentado em sua cadeira com um guardião em seu ombro e Yuka estava de pé com dois guardiões, um em cada ombro.

Os irmãos, desconfortáveis com a situação, sentaram-se em três cadeiras vazias que estavam de frente para Tsubasa e Tennouji.

Diretor: Tennouji, porque você colocou os irmãos Nakamura no conselho?

Tennouji: Para ser do conselho é necessário um guardião, bom... Kukai e Satella tem um e Aoi tem dois.

Yuka olha para os irmãos fixamente, os examinam de cima à baixo, enquanto Tsubasa fica apenas analisando a situação de longe e de forma indiferente, até mesmo fria.

Yuka: Posso ver seus guardiões?

Tennouji: Eles ainda não nasceram.

Yuka: Então posso ver os ovos?

Aoi troca olhares com Satella que acena com a cabeça, Aoi pega sua mochila, tira a caixa e mostra os três ovos, enquanto Kukai tira do bolso seu ovo.

Yuka os analisa os ovos, tentando extrair o máximo de informações sobre os ovos.

Yuka: Bom... são verdadeiros, não temos motivos para proibir a entrada de algum deles no conselho.

Diretor: Sendo assim, vocês são os novos guardiões do colégio.

Aoi fica surpresa com tal declaração.

Aoi: Como assim?

Tsubasa responde de forma fria e indiferente, assim com era esperado.

Tsubasa: Vocês tem guardiões. Todos alunos do colégio tem guardiões fazem parte do conselho. Simples assim.

Satella: Mas se eu não quiser participar?

Tennouji: Isso é impossível.

Yuka: Os guardiões não são bem um conselho de estudantes. Os guardiões são pessoas com guardiões que acabam com o mal da cidade, eles com nossa ajuda lutam contra tudo que gere o mal.

Os irmãos vão até um canto distante da sala para conversarem sozinhos, depois de longos minutos decidem que estaria tudo bem participarem do conselho. Mas que querem esclarecer algumas dúvidas.

Kukai: Mas como funciona esse negócio do guardião da noite e da amizade?

Tennouji: Você escolhe ser o guardião do que achar que mais combina com você.

Kukai: Eu quero ser o guardião esportivo.

Satella: Eu quero ser a guardiã da ciência.

Aoi: Eu não sei. Pode ser guardiã da noi...

Aoi parou no meio sua frase ao ver que seria como o par de Tsubasa. Ambos se olharam e ficaram
vermelhos. Tennouji percebe algo diferente na amiga, mas não sabe dizer exatamente o que é, mesmo assim tenta ajudar.

Tennouji: Aoi, você poderia ser a guardiã da música já que você gostava de música.

Aoi: Eu não gosto mais. Eu agora odeio. O-DEI-O.

Aoi sai da sala correndo e com os olhos cheios de água. Yuka, o diretor, Tsubasa e Tennouji se olham
tentando entender o que acabara de acontecer. Kukai sai correndo atrás da irmã, mas para na porta e pede para que Satella explique tudo para eles.

Satella: A Aoi não canta, nem toca nada desde a morte de nossos pais. A música faz lembrá-la de nossa mãe.

Satella toca no enfeite em seu cabelo e lágrimas escorrem em seus olhos.

Tennouji: Satella, esse enfeite foi sua mãe que te deu não é?

Satella: Sim.

Tsubasa levanta de forma rápida e ágil, anda em direção da porta e perto da porta para.

Tsubasa: Naru, chara change!

Orelhas de gato aparecem na cabeça de Tsubasa, ele começa a farejar, percebe um aroma adocicado e ao mesmo tempo meio cítrico, um cheiro familiar, o cheiro de Aoi, e sai correndo atrás do aroma. Encontra Aoi chorando, agachada em forma de bola, atrás da porta onde ele se escondera no dia em que tivera seu primeiro beijo. Quando essa lembrança passa na mente de Tsubasa ele fica vermelho e leva a mão aos lábios. Tsubasa decide se aproximar para poderem conversar melhor. Aoi o nota se aproximando, o que faz com que as maçãs de seu rosto fiquem mais rosadas, rapidamente limpa as lágrimas se sai em direção há seu quarto. Tsubasa a segue, e fica pedindo que ela pare para poderem conversar, mas Aoi nem se quer diminuiu a velocidade. Aoi finalmente chega ao prédio do dormitório feminino, entra no prédio, seguida por Tsubasa, todas as meninas que estavam no hall de entrada do dormitório ficam olhando para os dois de forma atenta, loucas por uma boa fofoca. Tsubasa cansado de ser ignorado, pega o braço de Aoi e o puxou para que ela parasse. Mas como Aoi não esperava por isso perdeu o equilíbrio, caindo em cima de Tsubasa, de forma nostalgia, as memórias de seu primeiro beijo passaram em suas mentes como um flash, seus rostos estavam tão perto que seus lábios se tocaram, exatamente como da primeira vez. Quando eles perceberam ficaram ruborizados, levantando-se rapidamente, Aoi corre para seu quarto e Tsubasa tentando fingir que nada aconteceu sai andando em direção ao prédio do dormitório masculino. Todas as meninas que presenciaram tal cena ficaram paralisadas, elas não sabiam o que fazer, mas o espírito de fofoqueira falou mais alto e em pouco tempo toda escola ficou sabendo do acontecido.

Aoi sozinha em seu quarto deitou-se em sua cama tentando organizar seus pensamentos. Em sua mente ela via flashes de memórias, viu o sorriso de sua mãe e de seu pai, as lágrimas de Satella e Kukai, os olhares de pena das pessoas a sua volta, os beijos que tivera com Tsubasa, as lágrimas que escorreram por seus rosto sem que os outros soubessem, todas essas memórias estavam vindo a tona na mente de Aoi. A garota começa a chorar descontroladamente.

Tsubasa aparece na janela do quarto de Aoi e fica olhando-a chorar por alguns minutos. Depois decide entrar.

Tsubasa: Aoi, sou eu, Tsubasa, nós precisamos conversar.

Aoi: ick, o que, ick, você, ick, faz aquick?

Tsubasa: Eu vim conversar com você.

Aoi seca as lágrimas com a manga de seu casaco e tenta fingir que não estava chorando, até tenta dar um
sorriso falso, mas de sorriso não tinha nada.

Tsubasa: Sei que deve ser difícil para você esconder o que está sentindo para não preocupar a Satella.
Mas eu não sou ela, você pode ser você mesma.

Aoi volta a chorar. Tsubasa se aproxima e apoia a cabeça de Aoi em seu ombro e a abraça. Aoi começa a falar compulsivamente sobre todas as suas tristezas com relação a morte de seus pais, Tsubasa tenta confortá-la e acalmá-la. Após alguns minutos Aoi já estava mais tranquila.

Aoi: Mas sobre o que você queria falar?

Tsubasa: Primeiramente que eu sempre estarei aqui quando você precisar. Não só eu como a Tennouji
também. E segundo... bem... não podemos ficar nos evitando para sempre. Aquele beijo anos atrás assim como o de hoje foram apenas acidentes. Não podemos o levar a sério.

Aoi: Eu sei que vocês estarão aqui quando eu precisar, obrigada. E eu sei que foi um acidente, mas os boatos não falam da parte do acidentalmente. Os boatos é que estamos namorando.

Tsubasa: Amanhã na sala eu vou esclarecer isso.

Aoi: Está bem. Mas acho melhor você ir embora antes que a Satella chegue e entenda errado também.

Tsubasa: Ok. Só mais uma coisa. Que guardiã você será?

Aoi: Não sei.

Tsubasa: Adoraria te ouvir cantar, mas se for a guardiã da noite seria legal ter uma amiga como parceira.

Aoi:O...O..... QUE!?

Tsubasa: É exatamente o que você ouviu! Você tem até amanhã para me responder que guardiã será.Tchau.

Tsubasa abre a janela e pula.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 16, 2011 8:10 pm

Cap.7 A canção de Nina

Aoi acorda cedo como de costume, mas hoje mal dormira, sua mente não parava de pensar nos últimos acontecimentos, era por volta das quatro da manhã, Aoi decidiu começar a se arrumar para as aulas. Foi para o banheiro, com os seus dois ovos, encheu a banheira com água quente, deitou-se e pegou os ovos para examinar.

Ver o desenho da bonequinha em um deles a fez ter um rápido flash back.

Flash back: on

Mãe: Cadê a minha bonequinha? Onde será que ela se escondeu?

Kukai: Eu achei ela okaa-san ela está lá. Olha! Olha!

Kukai apontava para as cortinas da sala e pulava sem parar.

Mãe: Será que a minha bonequinha de porcelana está atrás da cortina?

A mãe foi se aproximando de Aoi bem de vagar e com todo o silêncio possível. Pegou na cintura da filha, a levantando alto e fazendo ela girar.

Aoi: rsrsrs Para!!! rsrsrs

Kukai: Eu também quero!!!

Flash back: off

Ainda deitada na banheira e com o olhar fixo no ovo Aoi começa a repetir em sua mente “Eu cresci e mudei,
agora não sou mais uma bonequinha de porcelana. Não mais. Agora eu sou forte, não sou mais indefesa como uma bonequinha” ao repetir isso pela terceira vez escuta uma voz doce, suave, amigável e tranquila.

Voz: Você pode ter crescido mas ainda é uma bonequinha.

Aoi: O que? Quem é você e onde está?

Voz: Eu sou seu verdadeiro eu, por isso sei que sempre será uma bonequinha.

Aoi: Onde está? Qual seu nome?

Voz: Estou na sua frente, dentro desse ovo.

O ovo com uma bonequinha começa a rachar e abre. Dele sai uma linda bonequinha em miniatura, com cabelos castanhos compridos, um laço vermelho na cabeça e um vestidinho rosa.

Bonequinha: Meu nome é Nina! Sou sua guardiã! É um prazer conhecê-la!

Aoi: Você é minha guardiã? Minha verdadeira personalidade?

Ambas ficam se encarando.

Aoi: Impossível, devo ainda estar sonhando. Minha verdadeira personalidade é uma bonequinha tão frágil, indefesa e dependente? Impossível. Eu não sou assim.

Nina: Não é? Tem certeza? Por mais que tente esconder eu sei que no seu coração você é como eu, afinal eu nasci desse pedacinho de você.

Aoi: Mas eu não sou assim.

Nina: Não é? E ontem quando estava chorando nos braços de Tsubasa? Saiba que você estava parecendo bem frágil e indefesa.

Aoi: Aquilo foi diferente... eu... tudo bem eu admito eu sou uma bonequinha por dentro.

Nina sorri para Aoi de uma forma que Aoi acaba retribuindo. Nina vai para perto do rosto de Aoi e dá um beijinho na sua bochecha.

Nina: Agora acho melhor você terminar seu banho e terminar de se arrumar, já são cinco horas.

Aoi sorri para Nina, coloca o outro ovo que ainda não abriu em sua caixa, se seca, escova seu longo cabelo e sai do banheiro. Nina pega um vestido, mas Aoi rejeita. Decide usar o mesmo modelo do dia anterior. Veste-se rapidamente, arruma sua mochila, separa um uniforme para Satella e escreve um bilhete avisando que fora fazer o desjejum. Desce até o Hall onde encontra algumas garotas conversando, que subitamente param de falar quando Aoi passa. Aoi as ignora e vai até o refeitório, que ainda estava vazio. Aoi serve-se e senta em uma mesa perto da janela. Onde fica apreciando a linda paisagem, as folhas de Sakura dançando com o vento, os pássaros cantando, os beija-flores voando sobre os jardins e as borboletas rodopiando no ar, parecia um espetáculo feito só para Aoi.Mas esse momento mágico foi quebrado por alguns garotos que entraram no refeitório de forma escandalosa. Aoi olha rapidamente para os garotos e decide os ignorar. Termina sua refeição e se retira do refeitório que começara a encher. Vai andando em direção há uma parte abandonada da escola na esperança de lá encontrar paz e sossego. Entra em um prédio que antigamente era usado pela coordenação da escola, vai direto para a última sala do corredor do primeiro andar, a sala estava aberta e Aoi decide entrar. Senta-se em uma cadeira que parecia ser a mais limpa. Abriu sua mochila e tirou a caixa com os ovos. Nina saiu de seu ovo.

Nina: O que foi Aoi? Me parece bem pensativa.

Aoi: Como ainda tenho quase uma hora até o começo das aulas quis vir para um lugar tranquilo, sabe, para pensar na vida.

Nina: Pensar na vida ou em alguém? Algo me diz que veio pensar a respeito do que o Tsubasa te disse ontem.

Aoi: Bem... você me conhece... eu não sei que guardiã gostaria de ser. Gosto da noite, mas ser par do
Tsubasa...

Aoi fica vermelha só de pensar.

Nina: Então porque não fica como guardiã da música?

Aoi: Mas eu não canto, nem danço e nem toco mais nada desde a morte de meus pais. Dói muito pensar neles.

Nina: A música nos ajuda a superar tudo. Tenho certeza que se tentar cantar, no começo pode se sentir triste, mas com o tempo irá se alegrar. “Quem canta seus males espanta”.

Aoi: Talvez você tenha razão.

Nina: Então vamos cantar.

Aoi: O QUE?! AGORA????

Nina: Sim, você ainda tem tempo até a aula começar.

Aoi: MAS....

Nina: “Nobody knows who I really am…”

Aoi respira fundo e começa a cantar junto.

Aoi e Nina: “I never fell this empty before…”

Aoi: “…and if I ever need someone to come alone who is goanna comfort me and keep me strong…”

Tsubasa que estava ouvindo Aoi cantar da porta da sala, entra.

Tsubasa: I’ll always come if you call me. E mesmo que você não queira, mas se precisar estarei aqui.
Aoi olha para ele sorri e lágrimas escorrem de seus olhos.

Aoi: I know!

Tsubasa: Você canta muito bem, adorei ouvi-la. Poderia continuar?

Nina: Continua!

Tsubasa: Os seus guardiões já nasceram?

Aoi: Não, só a Nina.

Nina: Olá! Meu nome é Nina. É um prazer conhecê-lo.

Tsubasa: Olá! Esse é o Naru.

Naru sai de trás de Tsubasa e senta em seu ombro.

Naru: Yo-nya!

Nina: Neko-chan!!!

Nina sai voando para cima de Naru e fica brincando com as orelhas dele.

Aoi: Nina!!! Pare agora!!!

Nina para e vai de cabeça baixa para perto de Aoi.

Nina: Desculpa Naru!

Tsubasa: rsrsrs Deu para ver que você gosta de gatos. rsrsrs

Naru: Não achei graça.-nya

Naru fica massageando suas orelhas.

O sinal da escola toca avisando que as aulas começam em vinte minutos.

Tsubasa: Acho melhor irmos para o prédio das salas.

Aoi: Concordo.

Tsubasa vai até Aoi e pega sua mochila.

Tsubasa: Pode deixar que eu levo para você.

Aoi sorri, Tsubasa retribui e os dois saem do prédio abandonado. No caminho trocam algumas palavras.

Tsubasa: Já decidiu que guardiã será?

Aoi: Antes de responder quero que responda uma coisa.

Tsubasa: O que é?

Aoi: O que você estava fazendo naquele prédio abandonado?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 16, 2011 8:12 pm

Cap. 8 Conhecendo pessoas


Tsubasa: Aquele prédio é tranquilo, lá eu posso ficar sozinho. E o Naru também tinha sentido a presença de um guardião. Mas agora me responda.

Aoi: Bem... eu estava pensando nisso...

Kukai estava na porta do prédio junto com Satella os dois estavam conversando quando Kukai viu Aoi e Tsubasa.

Kukai: Aoi!!! Tsubasa!!!

Aoi: Bom dia onii-chan, dormiu bem Satella?

Tsubasa: Oi Satella!

Satella: Bom dia! Dormi sim!

Tennouji: Yo! Todos os guardiões juntos! Estavam me esperando?

Tsubasa: Não!

Aoi: Oi Tennouji!

Tennouji: Bom dia para você também Tsubasa. Vamos entrar antes que os professores cheguem.

Kukai: Até o almoço.

Todos entram no prédio do ensino fundamental, menos Kukai que se dirigiu para o prédio do ensino médio. Os corredores estavam cheios, mas todos abriram passagem para os guardiões. Eles se dirigiram primeiramente para sala da Satella que ficava no segundo andar, deixaram ela na porta e foram para o terceiro andar. Os três guardiões pareciam desfilar pelos corredores. Ouviam-se algumas conversas, mas a maioria estava com toda atenção voltada para os guardiões. Ao chegar perto das salas da oitava uma garota de cabelos longos e pele bronzeada pelo sol forte de Miami parou em frente aos guardiões.

Garota: Tsubasa-kyun!!! Que saudades de você!!!

A garota se jogou em cima de Tsubasa que desviou para a direita e acabou caindo no chão. Aoi vendo a garota no chão oferece a mão para ajudá-la a se levantar, mas a garota dá um tapa na mão de Aoi.

Tsubasa: Bem que você poderia ter me esquecido Mikaru-chan! Vamos Aoi, ignore ela.

Aoi: Tudo bem.

Aoi, Tsubasa e Tennouji entraram na sala e sentaram nas cadeiras a janela.

Aoi: Quem era aquela garota?

Tennouji: Ela é a Regi Mikaru filha dos donos da empresa Mikaru Beleza.

Aoi: Nunca ouvi falar.

Tennouji: Sério? Deve ser porque ela só existe no Oriente.

Um garoto se aproxima de Aoi e Tennouji. O garoto era muito parecido com a Mikaru-chan.

Garoto: Olá Tennouji!

Tennouji: Olá Gun-kun!

Gun: Olá! Você deve ser a garota que será guardiã. Certo?

Aoi: Sim! Nakamura Aoi! É um prazer conhecê-lo.

Gun: O prazer é todo meu em conhecer uma garota tão bonita.

Aoi: Obrigado.

Gun: Posso te fazer uma pergunta?

Aoi: Claro.

Gun: Verdade que você e o Tsubasa estão namorando?

Aoi vira e olha para Tsubasa com uma cara séria.

Aoi: Você não disse que ia esclarecer isso?

Tsubasa: Ainda não tive tempo.

Aoi: Não, nós somos só amigos de infância.

Gun: Desculpe por ter perguntado é que tem um boato na escola de que vocês se beijaram no dormitório feminino.

Tennouji: Isso é verdade Aoi:

Aoi: Não precisa se desculpar Gun-kun. O que aconteceu no dormitório foi um acidente, eu perdi o equilíbrio e cai em cima do Tsubasa, apenas isso.

Gun: Então você não tem namorado?

Aoi: Não!

Gun: Gostaria de ser minha namorada?

Aoi: Não!

Aoi dá um lindo sorriso, mas ao mesmo tempo que é lindo, é um sorriso medonho.

Regi: Nii-san! Vamos para a nossa sala!

Gun: Com licença minhas ladies minha irmã me chama.

Aoi: Eles são irmãos?

Tennouji: Sim. Agora é melhor você fazer silêncio a professora já está chegando.

As aulas passaram consideravelmente rápidas, os professores se apresentaram e cada aluno se apresentou eles passaram algumas informações sobre os clubes e a academia depois dispensou os alunos para o almoço. Todos os alunos saíram correndo para o refeitório e no caminha Tennouji contou à Aoi que os guardiões só tem que pegar fila no primeiro dia. Mesmo que todos os alunos tenham permitido aos guardiões furar fila. Tsubasa falou que eles fariam uma lista com o que queiram comer no próximo mês e os cozinheiros levariam para o prédio do conselho, onde os guardiões passariam a maior parte do tempo “livre”.

Os guardiões tiveram que pegar a comida no refeitório e levá-la até o prédio do conselho. No caminho para o prédio do conselho Aoi apresentou Nina para os outros guardiões e Naru se escondeu atrás de Tsubasa com medo de que Nina pulasse em cima dele, assim como havia acontecido mais cedo. E todos começaram a rir.

Quando chegaram ao conselho eles começaram uma limpeza, colocaram no lixo documentos que não eram mais necessários, tiraram a poeira, limparam o chão, Satella ficou consertando os computadores estragados e excluindo documentos desnecessários. No fim do dia todo o terceiro andar estava arrumado. Tennouji foi para casa, Kukai e Tsubasa foram para o dormitório masculino e Satella e Aoi estavam indo para o dormitório feminino quando Satella encontrou umas colegas e ficou conversando. Aoi seguiu para o dormitório, pois ainda queria tomar outro banho antes de dormir.

No caminho sentiu que estava sendo seguida, mas não conseguia ver ninguém. Aoi tenta despistar essa pessoa que a perseguia, mas nada parecia funcionar. Até que ela parou, se encostou em uma parede e ficou esperando a pessoa aparecer. Quem apareceu foi o Gun.

Aoi: Era você que estava me seguindo Gun-kun?

Gun: Sim.

Gun se aproxima de Aoi e prende seus pulsos contra a parede, Aoi não entende o que está acontecendo,
mas tenta inútil e desesperadamente se soltar. Porém quanto mais Aoi tenta se soltar, mais forte Gun a segura. Ele utiliza suas pernas para prender as de Aoi evitando que ela consiga o chutar. Com isso seus corpos ficam muito próximos. Aoi começa a gritar para que ele a solte, mas ele nem ao menos afrouxa. Gun começa a beijar o pescoço Aoi. Aoi se lembra do que Tsubasa disse para ela mais cedo. “Tsubasa: I’ll always come if you call me. E mesmo que você não queira, mas se precisa estarei aqui.”

Aoi: Tsubasa!!!

Gun chega perto do ouvido de Aoi e cochicha.

Gun: Não adianta gritar ninguém vai te ouvir, sem falar que o Tsubasa já deve estar no dormitório masculino.

Aoi deixa escorrer lágrimas de seus olhos. Quando sua primeira lágrima escorre ela e Gun escutam uma voz.

Voz: Que coisa feia Mikaru Gun! Fazer uma mulher chorar é horrível, mas fazer a Aoi chorar é imperdoável.

Assim que a voz se calou tudo ficou escuro para Gun e Aoi.

Aproximadamente uma hora depois Aoi acorda em seu quarto. Satella estava no quarto de uma colega conversando. Mas Aoi não estava sozinha. O dono da voz também estava lá.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 16, 2011 8:12 pm

Cap. 09 Decisão
Voz: Oi Aoi! Como está?

Aoi: Bem! Obrigada por ter me salvo do Gun,

Voz: Não foi nada, eu não deixaria ninguém te fazer mal!

O dono da voz deu um sorriso caloroso, que Aoi correspondeu.

Aoi: Novamente obrigada, não sei o que teria acontecido comigo se você não tivesse aparecido. Mas por
que você estava lá?

Voz: Ouvi quando você gritou pelo Tsubasa-senpai, então fui até lá. Mas eu tenho que ir agora, antes que sua irmã chegue.

Aoi: Posso só te fazer um pedido?

Voz: Qual é?

Aoi: Pode manter segredo do ocorrido da Satella? Não quero que ela saiba... o único problema é se o Gun contar.

O jovem foi em direção da janela, por onde pretendia sair. Ao colocar a mão na tranca se virou novamente para Aoi.

Voz: Não vou contar nada para ela. E não se preocupe com o Gun, duvido que ele conte para alguém. Ele não iria gostar de levar uma suspensão por ter assediado uma colega e também de ser zoado pelos meninos por ter sido nocauteado de alguém pequeno como eu rsrsrs

Aoi: É você tem razão. Então... te vejo amanhã?

Voz: Provavelmente.

O jovem destranca a janela e pula. Aoi se levanta da cama, vai até a janela e a tranca. Pega seu pijama no guarda-roupa, vai ao bainheiro tomar outro banho. Entra debaixo da água corrente e sente como se a água levasse todos seus problemas. Sai do banho, deita em sua cama, põe os fones de seu Iphone e cai no sono.
Meia hora depois Satella chega, vê sua irmã dormindo e decide estudar um pouco. Após terminar todos seus deveres nota Aoi se mexer na cama e percebe que ela acordara.

Satella: Boa noite onee-chan! Já se decidiu que guardiã será?

Aoi: Sim, a Nina me ajudou a decidir.

Satella: Nina?

Nina sai de seu ovo, voa bem animada até parar poucos centímetros do rosto de Satella. Nina abre um sorriso.

Nina: Oi Satella! Eu sou a Nina, a guardiã da Aoi! Se esqueceu de mim?

Satella: Oi Nina! Desculpa, eu não me esqueci de você. Só não lembrava que seu nome é Nina. Mas que guardiã vocês escolheram?

Aoi: Guardiã da música.

Satella: Nee-chan, vou poder te ouvir cantar?

Nina: Não só você Satella como também todos vão poder escutá-la.

Aoi olha com reprovação para Nina que apenas volta a sorrir angelicalmente.

Aoi: Vamos jantar antes que fechem o refeitório.

Nina sentou no ombro de Aoi, Satella fecha a porta do quarto e elas foram ao refeitório. O refeitório já estava quase vazio, apenas uns grupinhos espalhados. As irmãs se servem e sentam perto da porta. Após jantarem voltam para o quarto e arrumam os materiais para o próximo dia. Trocam de roupa, escovam os dentes, deitam em suas camas e desligam as luzes.

Eram dez horas Aoi e Satella ainda estavam acordadas.

Satella: Aoi, você ainda está acordada?

Aoi: Não, estou dormindo. O que foi?

Satella: Não estou conseguindo dormir. Pode cantar a música que a mamãe cantava para nós? Por favor!

Aoi: Não!

Nina acorda com essa conversa a tempo de escutar o pedido de Satella e a recusa de Aoi. Nina notou que Satella havia ficado triste e teve uma ideia.

Nina: Aoi, chara change!

Lindos laços apareceram prendendo o cabelo de Aoi e ela começa a cantar com voz de bonequinha.

Aoi: “Dango, dango, dango, dango, dango daikasouku...” (para ouvir clique aqui)

Quando Aoi termina de cantar a música, Satella já estava dormindo e Nina também. No meio da música Nina
havia desfeito a transformação, já que ela sabia que Aoi só precisava de um incentivo inicial. Aoi dorme poucos minutos depois com um sorriso meio triste, já que estava feliz por cantar e triste por lembrar de sua mãe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Ter Ago 16, 2011 8:13 pm

Cap.10 O início de uma rotina

O despertador toca, já era hora de acordar. Aoi e Satella acordam, após alguns minutos enrolando na cama, Aoi se levanta e vai tomar um banho rápido. Ao sair do banho Aoi encontra as camas arrumadas e Satella terminando de se arrumar. Aoi abre o armário e pega o primeiro uniforme que encontra, era uma calça bailarina, uma blusa baby look e um moletom maior que seu número. Satella estava com um vestido, uma saia marrom e uma blusa branca junto com seu jaleco inseparável. As irmãs pegaram seus materias e foram para o refeitório tomar café.

O refeitório estava cheio, mas não havia sinal nem de Kukai, Tsubasa ou Gun. O que por um lado acalmou Aoi. Satella pegou um prato com panquecas e foi se sentar com umas amigas. Enquanto Aoi se servia de uma tigela de cereais. Aoi procura por uma mesa vazia, mas sua procura é interrompida por uma voz que a chama.

Voz: Aoi! Sente aqui!

Aoi sorri para o jovem e vai em sua direção, sentando em frente ao mesmo.

Aoi: Ko-chan! Bom dia!

Koichi: Bom dia! Dormiu bem depois daquilo?

Aoi: Sim, obrigada, mas não precisa mais se preocupar.

Koichi já estava terminando o desjejum, mas ficou conversando com Aoi até ela terminar de comer. Os dois conversaram descontraídos no caminho até suas salas. Koichi era da turma de Satella, por isso se separaram na escada que separava o segundo e o terceiro andar.

Koichi: Até mais tarde, talvez eu de uma passada no conselho hoje a tarde.

Aoi: Até!

Aoi segue para sua sala, senta no mesmo lugar do dia anterior, passando calmamente por Gun que estava em pé ao lado da irmã. Aoi fica olhando para janela até que Tennouji chega na sala.

Tennouji: Aoi-chan! Bom dia!

Aoi: Você é muito animada Tennouji! Desliga da tomada! Rsrsrsrs

Tennouji senta em seu lugar, mas quando ia virar para conversar com Aoi a professora entra em sala.

Yuka: Bom dia minna! Tenho um aviso antes da aula começar. Sexta-feira, no período da tarde teremos a feira dos clubes. Para quem já está em um clube, lembre seus capitães de entregar o formulário para os guardiões. E para os outros, espero que aproveitem a feira para escolher em qual participar.

O resto da manhã foi tranquilo, os professores já começaram com o conteúdo, e para a tristeza dos alunos já passaram dever de casa. Os professores liberaram os alunos para o almoço e como Aoi já havia sido informada, eles foram para o prédio do conselho. Lá estava preparada uma mesa com uma toalha branca e cinco assentos, diante de cada um havia uma placa com seus respectivos nomes e o prato que escolheram para o menu. Kukai sentou-se em uma ponta e a outra ficou vazia. Aoi sentou-se entre os irmãos, Tennouji em frente a Aoi e Tsubasa, em frente a Satella.

Nina, Naru e Honey saíram de seus ovos e ficaram conversando. Após o almoço foram arrumar o segundo e primeiro andar com a ajuda de alguns alunos do clube de trabalho voluntário. Antes do dia acabar todo o prédio do conselho estava limpo. Os guardiões então foram arrumar os formulários dos clubes, que não eram poucos. Ao fim do dia metade dos formulários já haviam sidos lidos. Tennouji foi para casa e os outros foram para o refeitório jantar. Após a janta os meninos foram para seus dormitórios e as meninas se dirigiram ao seu. Satella foi tomar banho enquanto Aoi preparava as coisa para o próximo dia. Assim que Satella saiu do banho as irmãs foram dormir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qui Ago 18, 2011 7:49 pm

Cap. 11 Nascimentos

Quinta - feira passou rápido, o conselho já havia terminado de ler os formulários dos clubes, e os mesmos já estavam quase prontos para a feira dos clubes.

Sexta - feira, Aoi e Satella acordam e se arrumam como já se acostumaram. Seguem sua rotina que foi um pouco diferente depois do almoço. Todos os guardiões estavam terminando os preparativos para a feira. O prédio do conselho seria utilizado como centro de informações e local de abertura da feira.

A feira é um evento tradicional da Academia. Tem sua abertura no prédio do conselho, onde acontece uma palestra para ajudar os alunos a escolher um clube para participar. Após essa palestra, cada aluno recebe um folheto com a localização de todos os clubes e um formulário de inscrição que devem ser entregues nos mesmos.

Nas salas dos clubes ocorrem exposições, palestras entre outras atividades relacionadas com os mesmos. Depois disso os alunos tem o final de semana para pensar em que clube querem entrar e segunda-feira logo após o horário do almoço os alunos entregam em seus clubes sua inscrição, ou entregam ao conselho um pedido de criação de um novo clube. Após, os clubes são organizados, os lideres entregam uma lista com o nome de todos os membros para o conselho passar os dados para o computador e futuramente ver o motivo do porque de alguns alunos não estarem em nenhum clube.

Dado duas horas todos os alunos interessados já se encontravam no prédio. Os guardiões então se dirigiam para o palco improvisado para fazerem suas palestras.

Tennouji: Boa tarde! Sou a guardiã da amizade e vou falar um pouco sobre a escolha de clubes. Entrar para um clube é fácil, mas é bom pensarem bem se é realmente nesse que querem fazer parte. Não é obrigatório participar de um clube...

Após vinte minutos de palestra os alunos saíram do prédio do conselho e foram conhecer os clubes.

Satella: Tennouji-senpai, nós guardiões podemos participar de algum clube?

Tennouji: Você pode participar do clube que quiser.

Satella: E não teria problema se eu fosse dar uma olhada agora no clube de ciências?

Tennouji: Desde que fique alguém aqui, você pode sair.

Satella: Então até depois, vou ir dar uma olhada nos clubes.

Kukai: Eu também vou dar uma olhada no clube de esporte, se precisarem me liguem que eu venho correndo.

Aoi: Não se preocupe.

Tennouji: Aoi, você também não vai?

Aoi: Eu vou te fazer companhia.

Tsubasa: Tennouji, vou dar uma olhada nos clubes para ver se está tudo certo.

Tennouji: Ok!

Tsubasa com Naru em seu ombro, Kukai e Satella saem em direção aos clubes, enquanto Aoi,Tennouji, Nina e Honey ficam no conselho.

Tennouji: Aoi, vamos para a recepção, lá dá para sentarmos e conversarmos melhor.

As amigas foram para a recepção, Tennouji se sentou na cadeira atrás do balcão como se fosse uma recepcionista. Nina e Honey sentaram no canto do balcão e ficaram conversando.

Aoi: Tennouji, para que essa recepção?

Tennouji: Durante o ano, um dos guardiões fica aqui para caso algum aluno precise de ajuda.

Aoi vai em direção de Tennouji e liga o computador que lá estava. Se senta ao lado da amiga e dá uma olhada nos dados dos clubes.

Aoi: Tennouji, posso te chamar de Mi-chii? Assim como quando éramos pequenas?

Tennouji: Claro. Rsrsrs Fazia tempo que não ouvia esse apelido.

As amigas ficam conversando e lembrando de quando eram pequenas até que são interrompidas pelo toque do celular de Aoi.

Aoi: Estranho, a Satella está me ligando. Que foi Satella?

Satella: Nee-chan, você não acredita o que aconteceu.

Aoi: Se você não me falar eu nunca vou acreditar.

Satella: Minha guardiã nasceu!

Rumi: Oi Aoi-chan! Sou a Rumi, a guardiã da Satella!

Aoi: Que legal Satella! Vem para o conselho para eu conhecê-la!

Satella: Eu só vou dar uma olhada no clube de matemática e já vou.

Aoi: Ok.

Aoi desliga o celular e percebe que Tennouji está a encarando sem entender nada.

Aoi: O ovo da Satella chocou. A guardiã se chama Rumi. Ela falou que vai trazê-la assim que der uma olhada no clube de matemática.

Tennouji: Que legal.

Aoi volta a mexer no computador, enquanto Tennouji liga para Tsubasa e Kukai, avisando da novidade, mas acaba recebendo outra novidade.

Kukai: Eu já estava indo para o conselho. O Ruka também nasceu.

Tennouji: Ruka? Quem é Ruka?

Ruka: Yo Tennouji! Sou o guardião do Kukai!

Kukai: Ruka, não pega meu telefone. Bom já estou chegando.

Tennouji desliga o telefone.

Aoi: Quem é Ruka?

Tennouji: Ruka é o guardião do Kukai. Ele também nasceu.

Aoi: Sério? Essa feira tem algum poder sobre os ovos dos guardiões?

Nina: Na realidade, essa feira serve para as pessoas perceberem do que elas realmente gostam, e isso ajuda os ovos a chocarem.

Aoi: Nina, você estava ouvindo? Achei que estava conversando com a Honey.

Nina: Estávamos, mas vocês falaram tão alto que chamou nossa atenção.

Tennouji: Desculpa meninas.

Honey: Não se preocupe, não nos atrapalhou.

Aoi pegou o ovo seu outro ovo e fica encarando-o.

Nina: Espero que ela nasça logo, quero muito conhecê-la.

Aoi: Também espero.

Tennouji: Não estresse, ela nascera, no seu tempo.

Aoi guarda o ovo e volta a mexer no computador.

Tennouji: O que você tanto mexe nesse computador?

Aoi: Eu estou dando uma olhada nas descrições dos clubes, para ver se algum me interessa. Mi-chii, de qual
clube você participa?

Tennouji: Eu não estou participando de nenhum. Apesar de que o pessoal do clube de gastronomia, trabalhos domésticos, trabalhos voluntários entre outros vivem pedindo para eu entrar.

Aoi: Porque você não participa de algum?

Tennouji: Só o trabalho no conselho já é bem puxado para eu participar de mais um clube.

Aoi: Mi-chii, que clube é esse? Não vi nenhum formulário dele.

Tennouji se aproxima do computador e lê o conteúdo em sua tela.

Tennouji: Esse é o clube Music-on, ele foi dissolvido ano passado quando a líder se formou.

Aoi: Ninguém tentou ressuscitá-lo?

Tennouji: Não, porque todo esse interesse?

Aoi: De todos os grupos esse foi o que mais me agradou, mas tudo bem.

Nesse exato momento Tsubasa e Kukai chegam. Logo após, chega Satella.

Kukai: Minna, esse é o Ruka!

Ruka: Yo!

Nina, Honey e Tennouji: AAAAHHHH!!! Que fofo!

Ruka: rsrsrsrsrsrsrs Obrigado! Rsrsrsrsrsrsrsrs

Satella: Bom... essa é a Rumi!

Rumi: Olá! É um prazer conhecê-los jovens homo sapiens!

Aoi: Ela é a sua cara!

Rumi e Satella deram língua para Aoi ao mesmo tempo, o que fez com que os outros rissem.

Aoi: Minna, eu vou ir para o meu quarto, não estou muito disposta hoje.

Tsubasa: Esta passando mal, Aoi?

Aoi: Eu estou bem é só uma indisposição. Amanhã nos vemos.

Aoi estava na porta do prédio quando enxergar Gun encostado em uma árvore olhando diretamente para
ela. Seu olhar estava carregado de raiva e desejo, o que fez Aoi arrepiar dos pés a cabeça. Mas agora ela estava preparada para brigar com ele se fosse preciso, então andou direto em direção de Gun.

Aoi: O que foi? Apanhar de um garoto mais novo não foi suficiente?

Gun: A menos que queria que algo aconteça com sua preciosa irmã te aconselho que venha comigo calada.

Aoi sente novamente um arrepio. O medo de que algo aconteça com sua irmã a faz seguir Gun sem reclamar.

Após se distanciarem bem do prédio Gun para e fica a encarando.

Aoi: O que você quer?

Gun: Eu só quero um beijo, por acaso é pedir muito? Um beijo é mais importante que segurança da sua irmã?

Aoi: Um beijo não é mais importante que a segurança da minha irmã, mas sabe... é contra os meus
princípios beijar pessoas que apodreceram com o mundo. Desculpe.

Gun: Não irá me beijar? Então acho que terei que brincar com a sua irmã ao invés de você.

Gun tinha um sorriso pervertido e malicioso no rosto. Aoi sente sua raiva tomar conta de si, orelhas de gato
aparecem em sua cabeça, mas ela não nota. Seu corpo age por conta própria. Ela com uma mão segura o colarinho da jaqueta de Gun e o tira do chão. A expressão de Gun muda, seu sorriso some e em seu rosto aparece uma expressão de medo.

Aoi: Se você tocar um dedo se quer na minha imotou, você nunca mais poderá tocar em nada.

Aoi deu um soco no rosto de Gun e o jogou longe.

Aoi: Esse mundo está podre e quem apodrece com ele deveria morrer. Mas não quero apodrecer também, só
por isso não o mato agora. Mas já te avisei, se você tem amor a vida, não chegue perto da minha imotou.

Aoi se aproximar de Gun, pisa em seu saco escrotal, o que o faz retorcer de dor, e sai em direção do dormitório feminino.

Nina: Aoi, o que foi aquilo?

Aoi: Não sei Nina. Era como se algo estivesse me controlando e me dando coragem de fazer o que tinha
vontade de fazer desde o dia que ele me atacou. Era com... um chara change!

Aoi pega o ovo dentro da caixa e o segura em frente o rosto. O ovo choca e dele sai sua guardiã. Era uma menininha com orelhas e rabo de gato, tinha um cabelo preto comprido e usava um vestido preto e branco.

Guardiã: Olá! Eu sou a Nana, sua guardiã! Espero não te trazer problemas por ter feito chara change.

Aoi: Olá Nana! E não se preocupe. Sou grata por ter feito o chara change, ele merecia.

Aoi segue para o dormitório conversando com Nina e Nana.

Enquanto isso no prédio do conselho Tennouji estava conversando com os outros guardiões.

Tennouji: Minna, agora que a Aoi já foi eu preciso falar com vocês.

Tsubasa: O que foi, Tennouji?

Tennouji: Essa indisposição da Aoi. Ela apareceu depois que ela me perguntou sobre o clube Music-on que foi dissolvido ano passado.

Kukai: Mas porque ela ficaria indisposta depois de saber sobre esse clube?

Tennouji: Ela falou que esse foi o clube que mais a agradou.

Tsubasa: Mas porque você está nos contando isso?

Satella: A Tennouji-senpai está querendo que nós ressuscitemos esse grupo para deixar a Nee-chan feliz. É
isso?

Tennouji: Exatamente isso.

Kukai olha para Ruka, Tsubasa olha para Naru e Satella olha para Rumi, cada um olhava para seu guardião
em busca de um apoio ou até mesmo uma resposta.

Ruka: Nós amamos esportes, mas também gostamos muito de música e da Aoi...

Kukai: Vou participar desse clube de música. Eu posso jogar esportes nos fins de semana e no horário de aula normal.

Rumi: Nós amamos ciências, mas também gostamos muito de música e da Aoi...

Satella: Vou participar desse clube também. Eu posso fazer meus experimentos nas aulas de ciência e nos
fins de semana.

Naru: Você não está em nenhum clube e gostamos de música e da Aoi...

Tsubasa: Eu não estava em nenhum clube, então não tem problema. Também vou participar.

Tennouji: Ok. Vou arrumar o formulário e entregar para a Aoi segunda. Todos estão de acordo em ela ser a líder?

Kukai, Satella e Tsubasa: Sim.

Tennouji: E só mais uma coisa. Não contem para a Aoi, vamos fazer uma surpresa.

Satella: A onee-chan não gosta muito de surpresa, mas acho que dessa ela gostará.

Tennouji: Tudo ok, então esse fim de semana eu faço o formulário. Até amanhã.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qua Nov 02, 2011 8:50 am

Cap. 12 Música traz felicidade

Era por volta do meio dia, Aoi e Satella se encontraram com Kukai e Tsubasa na entrada do colégio, Aoi apresenta Nana para os outros e eles seguem para a casa da Tennouji. De lá, foram dar uma volta no centro da cidade. Todos conversavam animadamente, exceto por Tsubasa que ficava apenas ouvindo a conversa dos amigos.

Satella: Vamos parar na sorveteria?

Tennouji: Ótima ideia, está quente hoje!

Os amigos seguiram para a sorveteria que tinha pouco movimento, cada um se serviu e sentaram para apreciar o sorvete.

Kukai: Vamos no karaokê depois?

Tennouji: Conheço um ótimo karaokê, como era o nome... Tsubasa, lembra o nome daquele karaokê que a Yu-chan sempre ia?

Tsubasa: Metamorfose ou Magic Voice?

Tennouji: O Metamorfose é mais perto e tem menos movimento, vamos?

Aoi: Mas não estou afim de cantar.

Nina e Nana: Mentira!

Aoi fuzila suas guardiãs com o olhar, fazendo todos começam a rir. Terminam o sorvete e se dirigem ao karaokê. No caminho encontram com Koichi que os acompanha, em poucos minutos chegaram ao karaokê.

Atendente: Olá! Mirato-san, quanto tempo! Desde a formatura da Yuzu-san, se não me engano.

Tennouji: Olá Michelle! Quero uma sala para seis pessoas, por favor.

Michelle: É para já. Mesma sala de sempre?

Tennouji: Se estiver vaga.

Michelle entrega as chaves e os amigos, que a seguem até a sala. Satella se joga no sofá, enquanto Koichi dá uma olhada no menu, Kukai e Tennouji vão logo escolher alguma música para cantar, Aoi se senta no canto, Tsubasa se aproxima com um livro cheio de músicas e o joga para Aoi.

Naru: Escolhe uma música-nya!

Aoi: Eu não quero cantar.

Nina e Nana: Mentira!

Tsubasa: rsrsrs Por que você mente que não quer cantar, Aoi? Sua voz é linda e você gosta de cantar.

Aoi: Não gosto de cantar! Minha mãe adorava cantar, ela vivia cantarolando. Cantar é triste.

Tsubasa: Se é para ser assim...

Tsubasa vai até o karaokê, sem pensar duas vezes escolhe uma música, se volta para Aoi e a puxa. A música começa a tocar e todos param para o olhar, a letra começa a aparecer e Tsubasa a cantar. (música Distance - Naruto) Aoi é envolvida pela música e quando percebe já está a cantar a frase final. Todos aplaudem os dois, o que deixa Aoi sem jeito, Tsubasa vai até um canto, encosta-se à parede e fica assistindo os outros cantarem. Após as atenções se voltarem para Tennouji que cantava alegremente, Aoi se aproxima de Tsubasa.

Aoi: Por que fez aquilo?

Tsubasa: Suas guardiãs disseram que você queria cantar, mas não queria admitir, só dei um empurrãozinho.

Aoi: Bobo. Mas a música é algo mágico.

Tsubasa: Sim, é poderosa, e por isso mesmo você deve cantar.

Aoi: Para mim a música traz memórias tristes.

Tsubasa: Mas não traz apenas memórias tristes, ela também trás memórias felizes. Como no dia que te encontrei no prédio abandonado, aquilo não foi uma memória triste.

Aoi: Talvez você tenha razão.

Tennouji termina de cantar e todos aplaudem com força.

Tennouji: Arigatou!

Kukai: Sou o próximo! Vou cantar uma música em homenagem ao Tsubasa. (Link da música Y.M.C.A.).

Tsubasa o olha como se perguntasse o que Kukai faria. Logo que a música inicia, Tsubasa teve que ser segurado por Aoi. Kukai cantava e dançava da forma mais cômica possível, fazendo todos rirem sem parar. Tsubasa se acalmou e voltou a conversar com Aoi, mesmo que ela mal se aguentasse em pé de tanto rir.

Tsubasa: Viu, a música te fez rir.

Aoi aos poucos foi se acalmando até que já não ria mais.

Aoi: Hai hai.

Nina: Estranho!

Aoi: O que foi Nina?

Nina: Achei que tinha um guardião por perto.

Nana e Naru: Também senti a presença de um guardião, mas desapareceu.

Aoi e Tsubasa trocaram olhares e fixaram o olhar em seus guardiões.

Nina: Deve ter sido só impressão.

Aoi: Se acontecer de novo, avisem.

Kukai acabou de cantar e Satella pegou o microfone.

Satella: Minha vez!

Os amigos ficam cantando por mais algumas horas.

Aoi: Está ficando tarde. Vamos?

Satella: Mas eu quero continuar cantando.

Koichi: Acho melhor irmos Satella, você pode ir cantando.

Satella: Está bem. Vamos.

Os amigos seguem para a casa de Tennouji.

Tennouji: Até segunda! Amanhã eu tenho compromissos e não vou poder encontrá-los.

Aoi: Tudo bem Mi-chan. Até segunda!

Os amigos se despediram de Tennouji e seguiram de volta a escola. Na frente está Satella e Koichi discutindo sobre química, enquanto os outros vão logo atrás em silêncio. Ao chegarem ao colégio os meninos se despedem das meninas e cada um segue para seus quartos.

_______Animes_Fan_Made_______

arigatou cecel!:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mimy-chan
Adm Mimy
Adm Mimy
avatar

Mensagens : 143
Criatives : 303
Data de inscrição : 16/05/2011
Localização : Aqui e não ai!

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qua Nov 16, 2011 1:35 pm

Cap. 13 Nasce o Shugo-on


Domingo Aoi e Tsubasa foram estudar na biblioteca, Satella e Koichi foram fazer algumas experiências no laboratório e Kukai foi jogar futebol com o clube de futebol. Foi um dia calmo, sem muitos acontecimentos.

Segunda - feira todos foram para suas aulas e se encontraram no prédio do conselho após as mesmas.

Tennouji: Aoi, uma menina da 5ª Série me entregou esse pedido de criação de clube, mas agora estou ocupada, tem como você cuidar disso, pro favor?

Aoi: Tudo bem Mi-chan!

Tennouji entrega o formulário a Aoi e sai apressada para a sala de computadores. Aoi pega o formulário, o leva para a recepção, liga o computador e começa a analisar o formulário.

“Nome do Clube: Shugo-on.
Descrição do Clube: O clube Shugo-on tem como objetivo divertir seus membros e seu público com música de todos os tipos.
Presidente do Clube: Nakamura Aoi
Vice - presidente: Mirato Tennouji
Membros: Haruhi Tsubasa, Nakamura Satella, Nakamura Kukai, Nakamura Aoi e Mirato Tennouji.
Motivo que levaram a criação do Clube: Como uma forma de reviver o clube Music-on, que agradou muito nossa presidente e por ser um hobby em comum dos membros, decidimos criar o Shugo-on”.

Aoi: MI-CHAN!!! POR QUE VOCÊS NÃO ME FALARAM SOBRE ISSO!!!

Tennouji se aproxima da amiga quieta e da forma mais discreta possível.

Tennouji: Queríamos te fazer uma surpresa. Não gostou Aoi-chii?

Aoi: Não é que eu não tenha gostado, mas podiam ter me avisado.

Satella que ouvia tudo da sala do lado junto com Kukai foi até Aoi.

Satella: Vai aceitar esse formulário ou não?

Aoi: Formulário recusado.

Satella: Mas por quê?

Aoi: Vocês se esqueceram que precisamos ter um professor conselheiro?

Tsubasa entra no prédio seguido pela sua onee-san.

Yuki: O Tsubasa me falou que o clube de música está precisando de professor conselheiro. Bem, eu estou disposta a ser conselheira dele.

Aoi: Sendo assim, formulário aceito. Agora precisamos de uma sala para ensaiar e de equipamentos.

Satella: Podemos usar a sala de música no segundo andar.

Yuki: Os equipamentos eu consigo, temos microfones e amplificadores no depósito. Na sala antiga do Music-on vocês talvez encontrem uma bateria, um teclado, uma guitarra e um baixo, mas não sei como está o estado deles.

Tennouji: Eu tenho o meu teclado em casa, posso trazê-lo.

Tsubasa: Eu posso usar a guitarra do meu irmão.

Yuki: Eu guardei a guitarra no meu quarto, depois passa lá para pegar.

Aoi: Vou passar todas as informações para o sistema. Kukai e Satella, vocês podem ir à sala do Music-on e ver como está o baixo e a bateria?

Kukai: Podemos sim.

Aoi: Yuki-sensei arigatou!

Yuki: Não é nada. Tsubasa, vem comigo que vou pegar a guitarra.

Satella pega a chave da antiga sala do clube Music-on e se junta a Kukai que estava a esperando. Yuki e Tsubasa vão buscar a guitarra enquanto Tennouji vai buscar o resto do material no depósito e levá-lo para a sala de música. Aoi passa todas as informações para o sistema e fica atendendo os alunos que procuram pelos guardiões para criar clubes.

Regi entra no prédio dos guardiões seguida por Gun e se dirigem a Aoi que estava atendendo um aluno do clube de boxe.

Regi: Você é a Aoi, certo?

Aoi: Sim, em que posso ajudá-la Mikaru-san?

Regi: Vim para saber se o Tsubasa está em algum clube.

Aoi: Desculpe, mas não posso dar informações sobre os alunos, nem seus clubes, mas porque não pergunta a ele se ele entrou em algum clube?

Regi: Você sabe com quem está falando? Diga-me logo em que clube ele está ou se ele não está em nenhum.

Aoi: Não posso. Mas se tiver outra coisa em que posso ajudá-la basta pedir.

Regi se vira para o irmão e fala algo em seu ouvido.

Gun: Não! Não irei forçá-la a dizer.

Aoi ao ver o medo que Gun tem dela mostra um pequeno sorriso.

Regi: Está me desobedecendo Gun?

Gun: Se quer tanto saber, porque não pergunta direto para o Tsubasa?

Regi: Deixa para lá.

Regi dá a volta e sai do prédio seguida por Gun.

Aoi: Que garota obcecada e mimada.

Nana: Eu quase morri de rir com a cara do Gun. Rsrsrsrsrs

Aoi: Né!? Muito hilário.

O telefone de Aoi toca, era Tennouji, Nina pega o celular e o entrega para Aoi.

Aoi: Obrigado Nina. Oi, Mi-chan, o que foi?

Tennouji: Já trouxemos tudo para a sala. Posso dar uma decorada na sala?

Aoi: Essa sala está desativada, então tudo bem.

Tennouji: Que cores eu uso?

Aoi: Deixe-me pensar... gosto de preto e roxo... o nii-san gosta de verde e amarelo e a Satella gosta de
verde e azul... o Tsubasa eu não sei, nem você.

Tennouji: Vamos fazer o seguinte, nós nos reunimos e discutimos qual será o estilo da banda, depois decoramos com cores que tenham a ver. O que acha?

Aoi: Ok. Venham aqui para discutirmos.

Tennouji: Estamos indo!

As amigas desligam. Aoi espera pelos guardiões na recepção enquanto atende os alunos. Os guardiões entram no prédio e se sentam no sofá de espera para aguardarem Aoi atender um aluno.

Kukai: E ai? Qual vai ser o estilo da banda?

Aoi: Ainda estou pensando... que tal algo tipo cover?

Tsubasa: Parece legal.

Satella: Mas que tipo de cover? De bandas de K-pop? J-pop? Americanas? Sertanejo?

Aoi: Não sei, que tal um pouco de tudo?

Tennouji: Isso não vai facilitar a decoração.

Aoi: E que tal começarmos com um logo e a partir daí escolhemos as cores?

Satella: Então cada um faz uma e depois escolhemos.

_______Animes_Fan_Made_______

arigatou cecel!:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Taiki
Admirador
Admirador
avatar

Mensagens : 7
Criatives : 15
Data de inscrição : 01/01/2013

MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   Qui Jan 03, 2013 12:19 pm

Gostei muito do gênero que você usou para fazer essa fanfic....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [FanFic] Academia Sakura - Shugo-on   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

[FanFic] Academia Sakura - Shugo-on

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

 Tópicos similares

-
» Flor de Cerejeira - Sakura
» [Fanfic]A história de uma Ninja destemida
» FANFIC - Namorando meu Ídolo
» FANFIC - Laranjas
» FANFIC - Still You
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Animes Fan-Made :: Era uma vez... :: Fanfics de animes-
Forumeiros.com | Arte, Cultura & Lazer | Outros | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Criar um fórum